Como determinar o volume ideal da prótese mamária?

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter

Após a decisão de realizar mamoplastia de aumento, surge a grande dúvida: Qual é o melhor volume para mim?

Para a paciente, o tamanho e a forma das mamas são essencialmente subjetivos e influenciados por preferências pessoais e normas culturais, que irão determinar o que a paciente considera ideal

E o que o cirurgião plástico avalia?

O cirurgião plástico avalia de modo objetivo, conciliando expectativas com possibilidades reais para o melhor resultado possível para a paciente, respeitando sempre as bases anatômicas.

O exame físico vai avaliar características que determinarão qual o volume mais adequado para a paciente, e vai depender de algumas medidas:

Entre estas medidas, a mais importante é a base mamária, que ajudará a determinar o diâmetro máximo da prótese, que juntamente considerando o perfil e a forma do implante, irão definir o volume adequado com as expectativas e limitações da paciente.

O que concluir com isto?

– O volume é uma decisão multifatorial, englobando avaliações subjetivas e objetivas
– Podemos adequar o tamanho e forma conforme as expectativas da paciente
– No final, a decisão deve ser conjunta!

Existem outros inúmeros detalhes neste procedimento, portanto a consulta é essencial para esclarecimento e para tirar todas suas dúvidas!

Ficou com dúvidas? Deixe nos comentários e siga as redes sociais para maiores informações!

 

Leia mais

Open chat